A CCXP JÁ TEVE MAIS DE 1 MILHÃO DE PARTICIPANTES…AHN? por Camila Jin Ahn

Voltando aqui depois de um hiatus chamado Black Friday. Parabéns a todos nós sobreviventes desta sazonalidade e força para todas as parcelas pendentes em nossos cartões de crédito!

Durante este período, vários assuntos me chamaram a atenção, um deles sendo o evento que aumentou exponencialmente em apenas cinco anos: a CCXP. Eu nunca fui presencialmente ao evento, mas acho que meu inconsciente ficou com tanta vontade de ir que em vez de ir a um treinamento no Transamérica, eu fui até o São Paulo Expo e me toquei de que estava no local errado ao ver as pessoas fantasiadas. Infelizmente, tive que dar a volta e continuar no trânsito maravilhoso de São Paulo até o Transamérica Expo Center.

O me deixou chocada durante a CCXP, foram os inúmeros perfis de Instagram de celebridades você só via a frase: aguarde lançamento do trailer na CCXP “in São Paulo, Brazil”. Isso me fez entender a magnitude que o evento alcançou em tão pouco tempo e como trouxe o Brasil e a América Latina nos holofotes dos estúdios e produtoras como um lugar importante e com fãs muito especiais que merecem todo este carinho, atenção e conteúdo exclusivo.

Resumo do Google sobre a CCXP: sigla de Comic Con Experience, é a versão brasileira do evento que ocorre em San Diego na Califórnia desde 1970. Considerado uma convenção multigênero e cheio de cultura pop, desde quadrinhos a filmes de terror. Aqui no Brasil, a CCXP é realizada pelo Omelete, site brasileiro de entretenimento. De 2014 a 2019, mais de 1 milhão de pessoas atenderam a convenção.

De acordo com o site da CCXP, todo ano o evento supera recordes de participantes. Na primeira CCXP de 2014, 97 mil pessoas atenderam a convenção. Em 2019, cerca de 280 mil pessoas vieram do país todo durante os quatro dias de programação intensa com um engajamento altíssimo. Além de muitos virem fantasiados de seus personagens preferidos, a média de gasto dos participantes foi de R$ 325,00 por pessoa. “O festival ocupou um espaço de 115 mil m² com ativações de 15 estúdios e plataformas de streaming, 35 lojas especializadas em produtos com temática geek e 55 marcas que, segundo estimativa dos organizadores, tiveram faturamento de R$ 52 milhões”, diz o media release da CCXP em seu site. Quem acompanhou os stories de canais como o Papel Pop e Omelete, viu que era muita fila para entrar nas lojinhas mesmo!

Começando com os maiores destaques do evento, tivemos a presença de Gal Gadot e o lançamento global do trailer do filme Mulher Maravilha 1984. Desde o perfil do Instagram da atriz até as mídias do estúdio da Warner Bros, a CCXP Brasil foi exposta mundialmente como local escolhido para o tão esperado trailer. Gal Gadot foi ovacionada pelos fãs, trouxe umas 20 Mulheres Maravilhas no palco e desfilou com a bandeira do Brasil. Ao lado da diretora do filme, Patty Jenkins, as duas participaram de uma coletiva de imprensa sobre um dos filmes mais aguardados e elogiados da franquia da DC Comics.

 

Margot Robbie no painel de Aves de Rapina. Fonte: https:// entretenimento.uol.com.br/

 

Além de Gal Gadot representando o “girl power”, tivemos a presença de Margot Robbie e o elenco feminino de Aves de Rapina, filme sobre a personagem Harley Quinn, a Arlequina. Os participantes do painel tiveram acesso a cenas iniciais do filme e a um trailer exclusivo cheio de cenas de ação. 

O ator Ryan Reynolds, conhecido popularmente por interpretar Deadpool, quase sofreu um acidente quando uma barra de segurança não aguentou a empolgação dos fãs. Felizmente, o ator conseguiu escapar, verificou que todos estavam bem e prosseguiu com a divulgação de seu novo filme Esquadrão 6, produzido pela Netflix, ao lado de seu colega Joe Keery, mais conhecido por interpretar Steve Harrington na série Stranger Things.

 

Ryan Reynolds no painel sobre seu filme “Esquadrão 6” da Netflix.
Fonte: https://capricho.abril.com.br/

 

Falando em Stranger Things, uma das ativações mais comentadas foram as atrações que a Netflix trouxe da série para interagir com os fãs da série. Além de figurinos da terceira temporada, os participantes do evento tiveram a oportunidade de registrar momentos em cenários da série como o shopping Starcourt e a sorveteria Scoops Ahoy. Este foi uma das inúmeras ativações do evento. Eram 115 mil m² de muitos cenários instagramáveis, desde o expresso de Hogwarts de Harry Potter, o Central Perk de Friends, até o Monicaverso da Turma da Mônica de Mauricio de Sousa e o trailer de Walter White e Jesse Pinkman de Breaking Bad.

Com toda essa presença e investimento da Netflix, DC Comics, Warner Bros e muitos outros estúdios, claro que a Disney não ficou de fora da CCXP. O evento foi selecionado como um dos locais de pré-estreia de Frozen e contou com a presença de Kevin Feige, presidente da Marvel Studios. Sem surpresas, ele fez questão de presentear os fãs com um trailer exclusivo de Viúva Negra e cenas de Os Eternos, filme da nova fase da Marvel pós-Thanos que conta com a presença de Angelina Jolie, Kit Harington (nosso eterno Jon Snow) e Salma Hayek.

Continuando com o império da Disney, o painel de Star Wars: A Ascensão Skywalker contou com a presença do diretor J. J. Abrams e o elenco principal: Daisy Ridley, John Boyega e Oscar Isaac. Além da entrevista, rolou também o mimo de cenas inéditas do último filme da saga de 42 anos e muito choro dos que atenderam o painel. Fãs passaram mais de 24 horas na fila para atender painéis da Disney e como ativações, contaram com diversos cenários de Frozen, Mulan e com o “Treinamento de Jedi” com aulas de sabres de luz.

 

Elenco de Star Wars tira selfie com o público no painel sobre “Star Wars: A Ascensão Skywalker”.
Fonte: http://paradapop.com/

 

Além da clara relevância do Brasil e da CCXP para os estúdios e produtoras de filmes e TV e para as marcas suas ativações, uma das maiores razões que escolhi falar sobre o evento é o fator socioeconômico que ele trouxe. De acordo com o site da CCXP, ”a organização estima que o evento tenha injetado cerca de R$ 265 milhões na economia da cidade e gerado 11 mil empregos diretos e indiretos”. No meio de tanta discussão sobre inúmeros problemas políticos, ambientais, sociais e muitos outros, a CCXP foi um respiro em nossos feeds por alguns dias com tantos posts e stories divertidos do alto engajamento dos fãs, celebridades e produtoras de conteúdo como, claro, o Reclame.

A CCXP 2020 ocorrerá em São Paulo nos dias 3 a 6 de dezembro. Fique de olho na disponibilidade dos ingressos de 2020 pela newsletter e o perfil do Instagram do evento!

 

Playlist no Spotify com hits dos anos 80 que estarão presentes em “Mulher Maravilha 1984”:

Media Release da CCXP: https://www.ccxp.com.br/media/CCXP19_release.pdf

A CCXP JÁ TEVE MAIS DE 1 MILHÃO DE PARTICIPANTES…AHN? por Camila Jin Ahn

Sobre o autor
-